BBCParaAfrica.com
Brasil
Espanhol
Francês
Swahili
Somali
Inglês
Outras línguas
 
Última actualização:
 
E-mail um amigo   Versão para imprimir
ANC escolhe aliado de Zuma para Presidente
 
Thabo Mbeki
ANC forçou Mbeki a demitir-se depois alegações de intervenção no caso de Zuma
O Congresso Nacional Africano nomeou o seu número dois, Kgalema Motlanthe, como presidente interino da África do Sul, na sequência da demissão de Thabo Mbeki.

Motlanthe, que é um aliado próximo de Zuma, deverá ser confirmado oficialmente pelo Parlamento na próxima quinta-feira, devendo
manter-se na presidência da República até às eleições do próximo ano.

No último fim-de-semana o ANC forçou Mbeki a demitir-se depois de alegações de interferência política num caso de corrupção contra o seu rival e líder do partido, Jacob Zuma.

Mbeki nega as alegações mas afirma que se demitia a pedido do ANC tendo em conta os interesses da unidade partidária.

Reacções

Nos seus primeiros comentários sobre o caso, Zuma disse que esta foi uma das decisões mais difíceis na história do ANC.

KGALEMA MOTLANTHE
1949: Nascimento
1967: Detido durante 11 meses
1977: Condenado a 10 anos de prisão em Robben Island
1987: Aderiu ao Sindicato Nacional dos Trabalhadores Mineiros, vindo a tornar-se o seu Secretário-Geral
1997: Eleito Secretário-geral do ANC
2007: Eleito vice-Presidente do ANC
2008: Torna-se Membro Parlamentar e Ministro sem pasta

"Esta não é uma mudança no partido mas apenas da liderança no governo. As nossas políticas económicas vão continuar estáveis e a progredir" disse Zuma aos jornalistas.

Por sua vez, o secretário-geral do ANC, Gwede Mantashe, diz que os acontecimentos do último fim-de-semana vão servir para unificar o seu partido.

"Quando um partido está a digladiar por trás de dois líderes fortes, a longo prazo tem-se um partido dividido. É muito importante a tomada de medidas para unificar a liderança do ANC à volta de apenas um líder."

Mantashe afirma também que a mensagem que está a ser enviada para a África do Sul é a de que queremos estabilidade; um ANC unido é bom para o país.

Para o jornalista sul-africano, Steve Lang, tratou-se claramente de um golpe contra Thabo Mbeki, mas feito de forma constitucional.

As eleições gerais da África do Sul deverão ser realizadas em Abril ou Maio do próximo ano e, quase por certo, Jacob Zuma, será eleito presidente da República.

 
 
LINKS LOCAIS
Thabo Mbeki confirma demissão
22 Setembro, 2008 | Notícias
Líderes do ANC discutem papel de Mbeki
19 Setembro, 2008 | Notícias
Procuradoria contra absolvição de Zuma
17 Setembro, 2008 | Notícias
Retiradas acusações de corrupção a Zuma
12 Setembro, 2008 | Notícias
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
E-mail um amigo   Versão para imprimir
 
 
 
BBC Copyright Logo
 
^^ De volta ao topo
  Arquivo
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>