BBCParaAfrica.com
Brasil
Espanhol
Francês
Swahili
Somali
Inglês
Outras línguas
 
Última actualização: 02 Maio, 2007 - Publicado em 17:41 GMT
 
E-mail um amigo Versão para imprimir
Afrobasket 2007: Angola no grupo A em Benguela
 
A mascote co campeonato
'Driblo' é a mascote do Afrobasket2007
O sorteio, realizado em Luanda a 20 de Abril, determinou a constituição dos quatro grupos da fase inicial que vão jogar nas cidades de Benguela, Lubango, Huambo e Cabinda.

Na prova participam pela primeira vez dezasseis equipas, mas o presidente da FIBA-África acredita na capacidade e competência de Angola para organizar o Afrobasket.

Luanda receberá a fase final dos oito primeiros classificados e também o jogo inaugural que se realiza no pavilhão central da Cidadela, após a cerimónia de abertura.

Só depois da cerimónia de abertura as dezasseis selecções participantes no torneio seguirão para as cidades-sede dos respectivos grupos.

Angola, na sua condição de anfitriã, teve o direito de escolher o seu adversário para o jogo inaugural, optando pelo Ruanda.

Os Grupos

A selecção da casa, o Senegal, a Nigéria e a Argélia são os cabeça-de-série da primeira fase da competição.

No Grupo A, em Benguela, para além de Angola, ficaram incluídos o Ruanda, Cabo Verde e Marrocos.

O Grupo B, que joga no Lubango, integra o Senegal, vice-campeão africano, e as selecções do Mali, Costa do Marfim e Egipto.

Quanto ao Grupo C, no Huambo, a Nigéria ficou emparceirada com a República Centro-Africana, a República Democrática do Congo e a Libéria.

Finalmente no Grupo D, que tem sede na cidade de Cabinda, ficaram a Argélia, a Tunísia, a África do Sul e os Camarões.

Os cabeças-de-série

As equipas cabeças-de-série têm este estatuto graças à classificação obtida no último Afrobasket 2005, que teve lugar na Argélia.

Alphonse Billé e Carlos Cunha
Alphonse Billé, da FIBA-África, e Carlos Cunha, director executivo do comité organizador

Os dois primeiros de cada grupo passam aos oitavos-de-final, enquanto os dois últimos disputam os lugares subalternos.

Na segunda fase, a capital Luanda será o palco dos jogos do 1º ao 8º lugares, enquanto que em Benguela se realizam os jogos do 9º ao 16º classificados.

Festa do basquetebol

A organização do Afrobasket é um justo prémio para Angola, que domina o basquetebol sénior no continente africano e que nos últimos anos conquistou oito títulos, os últimos quatro consecutivos.

O presidente da Federação Africana, FIBA-África, Alain Ekra, manifestou a sua satisfação pelas condições criadas por Angola para o torneio.

Presente em Luanda no sorteio, Ekra afirmou Angola 'está em condições de organizar um torneiro histórico graças ao empenhamento do Estado.'

Durante a sua permanência no país, Alain Ekra foi recebido pelo ministro da Juventude e Desportos e pelo governador de Luanda.

Grupo 'A' é fraco

Angola foi colocado num grupo fraco, diz o ex-treinador da selecção angolana de basquete, Vitorino Cunha, considerando que isso não é bom para os campeões.

O Ruanda é uma equipa fraca que provavelmente vai ficar no último lugar do grupo.

Alain Ekra e Job Capapinha
Alain Ekra é recebido pelo governador de Luanda, Job Capapinha

Para Cabo Verde, que começa por defrontar Marrocos e depois Angola, vai ser muito difícil ficar entre os dois primeiros que passam à fase final em Luanda.

Marrocos é a segunda favorita do Grupo A sendo muito importante o primeiro jogo frente aos caboverdianos.

 
 
LINKS LOCAIS
Angola organiza Afrobasket 2007
26 Março, 2007 | Notícias
LINKS EXTERNOS
A BBC não é responsável pleo conteúdo de sítios externos da internet
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
E-mail um amigo Versão para imprimir
 
 
 
BBC Copyright Logo
 
^^ De volta ao topo
  Arquivo
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>