BBC navigation

Artista imagina cidade coberta de ondas de wi-fi

Atualizado em  8 de agosto, 2013 - 05:01 (Brasília) 08:01 GMT
  • Se ondas fossem perceptíveis ao olho humano, assim elas seriam vistas em Washington, diz Nickolay Lamm.
    O wi-fi, rede sem fio que viabiliza conexão com a internet, é um campo de energia transmitido por ondas. O cientista e artista Nickolay Lamm se propôs a representá-las visualmente, simulando-as em pontos de Washington (EUA).
  • Se ondas fossem perceptíveis ao olho humano, assim elas seriam vistas em Washington, diz Nickolay Lamm.
    Lamm colaborou com Browning Vogel, que trabalhou no centro investigativo Ames, na Nasa (agência espacial americana). "A distância entre as ondas do wi-fi é mais curta do que a das ondas de rádio e mais longa do que as micro-ondas. Por isso, não pode ser interrompida por outros sinais", diz Vogel. A imagem acima mostra dados hipotéticos do wi-fi transmitidos sobre uma banda que se divide em diferentes subcanais representados pelas cores.
  • Se ondas fossem perceptíveis ao olho humano, assim elas seriam vistas em Washington, diz Nickolay Lamm.
    As ondas do wi-fi aparecem acima como esferas multicoloridas. Segundo Vogel, os transmissores de wi-fi - ou roteadores - são como uma antena equipada com um protocolo de transmissão, que divide a banda de frequência em vários canais. Os dados podem ser transmitidos através de cada canal para enviar e receber dados a velocidades mais rápidas.
  • Se ondas fossem perceptíveis ao olho humano, assim elas seriam vistas em Washington, diz Nickolay Lamm.
    Essas antenas tem um sinal omnidirecional, que se estende por diversas direções. As cristas das ondas de wi-fi se separam entre si por 3 a 5 centímetros, explica Vogel.
  • Se ondas fossem perceptíveis ao olho humano, assim elas seriam vistas em Washington, diz Nickolay Lamm.
    Em Washington, há roteadores instalados em árvores, edifícios, postes de luz e outras estruturas. "Acho que não damos tanto valor a certas facetas da tecnologia e as usamos sem apreciar a ciência que as faz funcionar", opina Lamm.

Ondas à vista

Como veríamos as cidades se as ondas de wi-fi estivessem à vista?

O wi-fi, rede sem-frio que viabiliza conexão com a internet, é um campo de energia transmitido por ondas. O cientista e artista Nickolay Lamm se propôs a representá-las visualmente, simulando-as em pontos de Washington, capital dos EUA.

Lá, há roteadores instalados em árvores, edifícios, postes de luz e outras estruturas.

"Acho que não damos tanto valor a certas facetas da tecnologia e as usamos sem apreciar a ciência que as faz funcionar", opina Lamm.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.