A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Incêndios destroem mata no Arizona e matam 19 bombeiros

1 julho 2013 Atualizado pela última vez 14:51 (Brasília) 17:51 GMT

Ao menos 19 bombeiros foram mortos em incêndios que devastaram, desde sexta-feira, 8 km² do Estado americano do Arizona.

Os bombeiros morreram em circunstâncias ainda não esclarecidas enquanto combatiam as chamas que ameaçam a cidade de Yarnell, a 130 km da capital Phoenix.

Baixa umidade, calor e fortes ventos ajudaram a espalhar as chamas

Trata-se do maior número de mortes entre bombeiros americanos desde os atentados de 11 de Setembro, em 2001.

Eles eram parte de uma equipe de elite, com experiência prévia no combate a incêndios recentes no Novo México e no próprio Arizona.

Outros 250 bombeiros ainda continuam trabalhando para tentar conter as chamas, que se espalharam rapidamente por conta das altas temperaturas (que chegaram a 54ºC), da baixa umidade e de fortes ventos.

O fogo já expulsou centenas de moradores da região de suas casas.