BBC navigation

Classe média impulsiona crescimento do mercado de games no Brasil

Atualizado em  15 de outubro, 2012 - 05:03 (Brasília) 08:03 GMT

Player

Crédito da foto: BBC

Mercado de games no Brasil pode quadruplicar de tamanho até 2016.

Nos últimos anos, o mercado de games no Brasil "explodiu" - e já é o quarto maior do mundo.

Impulsionado pelo crescimento da classe média, o setor faturou no ano passado R$ 840 milhões e pode atingir R$ 4 bilhões em 2016, segundo um levantamento da consultoria americana PricewaterhouseCoopers (PwC).

A expansão do mercado trouxe também novas oportunidades.

Em abril do ano passado, o paulistano Arthur Curiati, de 24 anos, e o paraibano Raiff Chaves, de 23 anos, decidiram fundar uma empresa dedicada a agenciar novos talentos do mundo dos games.

Ex-jogadores profissionais, eles esperam ganhar a vida com o crescimento do que chamam de "esporte eletrônico", de olho nos prêmios distribuídos nos principais torneios do setor - realizados tantos fisicamente, em grandes feiras, como virtualmente, pela Internet.

No entanto, em sua trajetória rumo ao topo, o Brasil ainda enfrenta desafios. Entre eles, estão a pirataria e o peso dos impostos.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.