BBC navigation

Homem passa 35 dias em jaula com leões

Atualizado em  10 de setembro, 2011 - 07:23 (Brasília) 10:23 GMT

Player

Ucraniano ajudou até leoa a parir dois filhotes.

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Formatos alternativos

O ucraniano Oleksander Pylyshenko passou 35 dias em uma jaula de leões em seu zoológico particular na Ucrânia.

Pylyshenko afirmou que encarou o desafio para bater um recorde mundial e ao mesmo tempo para pedir tratamento mais humano aos animais.

Oleksander Pylyshenko

Durante a temporada na jaula, Pylyshenko ajudou no parto de dois filhotes da leoa Katya

"Meu pai me disse: 'Deus queira que nada aconteça, mas os animais não devem ser feridos.' Por isso, não levou qualquer medida de segurança", afirmou o filho de Pylyshenko, Denis.

Dois filhotes nasceram quando Pylyshenko já estava na jaula.

Ele inclusive ajudou no parto da leoa Katya, o que amedrontou a família.

Normalmente, animais selvagens ficam ainda mais perigosos quando têm crias por perto.

Depois da experiência inusitada, Pylyshenko voltou para casa, e o leão que havia abandonado Katya retornou à jaula.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.