Polícia conclui perícia na casa de Berezovsky

  • 24 março 2013
Foto: PA
Oligarca sobreviveu a diversas tentativas de assassinato

Especialistas em substâncias toxicológicas, químicas e nucleares da polícia britânica afirmam não ter encontrado materiais perigosos na casa do magnata russo exilado no Reino Unido Boris Berezovsky.

Berezovsky, de 67 anos, foi encontrado morto no sábado. Um porta-voz da polícia afirmou que ainda se está tratando de determinar as circunstâncias de sua morte.

O oligarca, como são conhecidos os empresários russos que fizeram grandes fortunas no país após o colapso da União Soviética, já pertenceu aos círculos do poder, mas emigrou após se tornar adversário e crítico do presidente Vladimir Putin.

As investigações na casa de Berezovsky tentavam apurar a possibilidade de um assassinato - ele sobreviveu a inúmeras tentativas, entre elas uma bomba que decapitou o seu chofer.

Recentemente, o russo passava por problemas financeiros após perder uma ação judicial contra o ex-parceiro comercial e proprietário do time de futebol Chelsea, Roman Abramovich.