BBC navigation

Britânico é acusado de vender detectores de bomba falsos

Atualizado em  7 de março, 2013 - 13:27 (Brasília) 16:27 GMT

Um empresário britânico foi a julgamento nesta quinta-feira em Londres acusado de vender centenas de detectores de bomba falsos a pelo menos 20 países, incluindo Iraque e Afeganistão.

Jim McCormick nega as acusações de fraude. Durante a audiência, os promotores acusaram o empresário de vender o que descreveram como "equipamentos completamente ineficientes".

McCormick vendia os detectores de bomba por cerca de US$ 40 mil (R$ 80 mil) cada.

Segundo os promotores, o empresário dizia que os equipamentos podiam identificar de explosivos à mármore, além de cédulas de dólar, a até 1 km de distância.

O caso deve ser concluído nas próximas três semanas.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.