Bolívia nacionaliza administração de principais aeroportos

Atualizado em  18 de fevereiro, 2013 - 12:12 (Brasília) 15:12 GMT

O presidente da Bolívia, Evo Morales. anunciou nesta segunda-feira a nacionalização da administração de três aeroportos do país, atualmente sob o comando da SABSA, fillial do grupo espanhol Abertis.

A empresa administra desde 1997 os três principais aeroportos internacionais da Bolívia, em La Paz, Santa Cruz e Cochabamba, segundo o jornal local La Razón.

Morales argumentou que a SABSA descumpriu acordos de investimentos prometidos.

"Quero comunicar ao povo boliviano a nacionalização do pacote acionário da SABSA", disse o presidente, agregando que a empresa receberá uma compensação financeira a ser determinada nos próximos meses.

A agência EFE informa que tropas do Exército boliviano foram enviadas aos aeroportos nesta segunda - segundo Morales, para "garantir a continuidade dos serviços" nos terminais.

A SABSA é a terceira empresa espanhola expropriada pelo governo esquerdista de Morales recentemente. Em dezembro e maio de 2012, ele nacionalizou, respectivamente, filiais das empresas de energia Iberdrola e Red Elétrica.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.