Chile designa alto comandante para controlar violência em Araucanía

Atualizado em  6 de janeiro, 2013 - 20:27 (Brasília) 22:27 GMT
O presidente do Chile, Sebastián Piñera

Governo de Sebastián Piñera não descarta decretar estado de exceção após série de ataques

O presidente do Chile, Sebastián Piñera, designou o alto comandante dos Carabineiros (a polícia militar), Carlos Carrasco, para controlar a segurança na região de Araucanía, palco de conflitos entre fazendeiros e índios Mapuche.

O anúncio foi feito neste domingo, após reunião extraordinária entre Piñera e quatro ministros no palácio de La Moneda.

Segudo o ministro do Interior do Chile, Andrés Chadwick, o governo não descarta decretar estado de exceção, após a morte de duas pessoas e uma série de ataques que as autoridades definem como "terroristas".

Nos últimos quatro dias foram registrados seis ataques incendiários a residências, veículos e maquinário agrícola no sul do Chile.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.