BBC navigation

Governo da Colômbia manterá operações militares apesar de trégua das Farc

Atualizado em  19 de novembro, 2012 - 20:22 (Brasília) 22:22 GMT

O ministro da Defesa colombiano, Juan Carlos Pinzón, afirmou nesta segunda-feira que as forças de segurança do país continuarão com suas operações militares apesar da trégua unilateral anunciada pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

A guerrilha, que se encontra na etapa inicial das negociações de paz com o governo colombiano em Cuba, anunciou por conta própria o cessar de fogo da meia-noite desta segunda-feira até o dia 20 de janeiro.

Pinzón reiterou que a ordem seguirá sendo "sempre a mesma": "Combater os grupos ilegais em todo o território nacional".

O coordenador dos negociadores das Farc, Ivan Márquez, foi quem anunciou a decisão do grupo de interromper as operações militares ofensivas durante dois meses.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.