BBC navigation

Fundador da McAfee nega ter cometido assassinato em Belize

Atualizado em  15 de novembro, 2012 - 01:29 (Brasília) 03:29 GMT

O fundador da empresa de segurança McAfee negou nesta quarta-feira as acusações de que teria assassinado um de seus vizinhos em Belize.

O americano John McAfee afirmou que não matou seu compatriota Gregory Faull.

Faul foi encontrado morto na área onde os dois homens viviam no pequeno país da América Central.

McAfee diz que está se escondendo da polícia em Belize, por medo de ser morto.

Ele foi preso no início deste ano por suposta posse de armas e drogas, mas depois liberado.

O primeiro-ministro de Belize, Dean Barrow, pediu a McAfee que ajude as investigações da polícia e chamou o empresário de "paranóico".

McAfee fez fortuna com a venda de sua empresa na década de 90 e há quatro anos trocou os Estados Unidos pelo Belize, onde passou a viver desde então.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.