Parentes de premiê chinês acumularam fortuna, diz New York Times

Atualizado em  25 de outubro, 2012 - 23:59 (Brasília) 01:59 GMT

O jornal americano New York Times afirmou ter encontrado indícios de que parentes do premiê chinês Wen Jiabao acumularam uma fortuna de US$ 2,7 bilhões (R$ 5,4 bilhões).

A publicação afirmou ter tido acesso a documentos que comprovariam o enriquecimento da mãe, dos filhos e do irmão mais novo durante o governo do primeiro-ministro chinês.

As identidades dos parentes do premiê estariam ocultas por sociedades e parcerias.

Contudo, o New York Times disse que não há provas de que Jiabao soubesse das atividades de seus familiares. Eles se recusaram a comentar os fatos, segundo a reportagem do jornal.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.