Mensalão: STF deve decidir se José Dirceu cometeu crime de corrupção

Atualizado em  9 de outubro, 2012 - 15:03 (Brasília) 18:03 GMT

STF/ Ag Brasil

Dirceu e outros membros da então cúpula do PT podem ser julgados nesta sessão

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir no julgamento desta terça-feira se condena ou não o ex-chefe da Casa Civil José Dirceu. Ele é acusao pelo crime de corrupção ativa por ter comandado, durante o governo Lula, o esquema de compra de apoio político no Congresso que ficou conhecido como mensalão.

Três ministros já votaram pela condenação de Dirceu. Assim, se pelo menos mais três dos dez ministros o considerarem culpado, o STF vai confirmar a avaliação do Ministério Público, de que Dirceu gerenciava o esquema - acusação que o político nega.

O primeiro a votar nesta terça-feira será o ministro Dias Toffoli, seguido por Cármen Lúcia, Gilmar Mendes, Marco Aurélio Mello e o presidente do STF, Carlos Ayres Britto.

Na semana passada, o relator, ministro Joaquim Barbosa, votou pela condenação de Dirceu, do ex-presidente do PT José Genoino, do ex-tesoureiro do partido, Delúbio Soares e de outros sete réus por corrupção ativa.

Além de Barbosa, os ministros Rosa Weber e Luiz Fux também condenaram Dirceu.

Entre as acusações analisadas pelo STF sobre a cúpula do PT estão as de crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro envolvendo partidos da base aliada em 2003 e 2004.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.