Hollande e Samaras reafirmam permanência da Grécia na zona do euro

Atualizado em  25 de agosto, 2012 - 08:14 (Brasília) 11:14 GMT

O primeiro-ministro grego, Antonis Samaras, e o presidente francês, François Hollande, reafirmaram que a Grécia permanecerá na zona do euro, depois de discutirem a crise econômica que atinge o país, durante uma reunião em Paris.

Samaras está tentando renegociar mais tempo para implementar os cortes exigidos pela França e outros países europeus em troca de um pacote de ajuda financeira.

Falando após a reunião, Hollande disse que a a Grécia deve demonstrar a credibilidade de seu programa de reformas.

Na sexta-feira, Samaras encontrou a chanceler alemã Angela Merkel, que reiterou sua vontade de que a Grécia permaneça no grupo de países que utilizam o euro.

Tanto ela quanto Hollande disseram que pretendem esperar para ver as conclusões dos inspetores do FMI e da União Europeia sobre o progresso grego.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.