Chipre pede inclusão no plano de resgate europeu

Atualizado em  25 de junho, 2012 - 13:52 (Brasília) 16:52 GMT

O governo do Chipre formalizou nesta segunda-feira o pedido de resgate financeiro à União Europeia.

Em nota, o governo cipriota informou que os bancos da ilha estão sofrendo com a grande exposição à dívida da Grécia - até agora, o país europeu com maior chance de declarar a moratória.

Segundo analistas, o segundo maior banco do país, o Banco Popular do Chipre, precisaria de um aporte financeiro urgente para evitar sua quebra.

Com o pedido, o Chipre torna-se o quinto país da zona do euro a recorrer ao plano de resgate europeu, após a Irlanda, Portugal, Grécia e Espanha.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.