Relatório critica decisões de Netanyahu sobre abordagem de flotilha

Atualizado em  13 de junho, 2012 - 14:51 (Brasília) 17:51 GMT

Um relatório do governo de Israel criticou as decisões do premiê Benjamin Netanyahu sobre a operação militar que matou nove cidadãos turcos em uma flotilha humanitária que tentava entrar na Faixa de Gaza em 2010.

No relatório, a Controladoria do Estado de Israel identifica "graves deficiências" nas ações de Netanyahu.

Segundo o documento, as decisões foram tomadas sem ordem e documentação suficiente.

Porém, segundo o correspondente da BBC em Jerusalém, Wyre Davies, a popularidade de Netanyahu não foi afetada, pois a maioria dos israelenses apoiaram o ataque à flotilha.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.