BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 05 de julho, 2007 - 20h43 GMT (17h43 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
75% dos britânicos adultos roncam, diz pesquisa
 
Pesquisados afirmaram que o ronco afetou relacionamentos
Pelo menos 75% da população adulta da Grã-Bretanha roncam e um em cada três ronca tão alto que impede que o parceiro durma, segundo uma pesquisa.

O estudo encomendado pela rede de hotéis Travelodge elegeu a cidade de Coventry como a capital britânica do ronco, com 90% dos moradores afetados pelo hábito.

Coventry foi seguida por Sheffield (87%), Glasgow (86%) e Plymouth (82%).

A pesquisa ouviu 1.788 adultos e descobriu que 12% dos afetados afirmam que se sentem menos sexy frente ao parceiro devido ao ronco.

Um em cada dez dos pesquisados afirmou que o constrangimento causado pelo ronco impediu que dormissem com um novo parceiro.

E um em cada cinco dos pesquisados que têm parceiro informou que o ronco teve um impacto negativo em seus relacionamentos.

Famosos

Entre os famosos afetados pelo ronco estão nomes como Winston Churchill, o cineasta Ken Russell, o ator Michael Douglas e o ex-presidente americano Teddy Roosevelt.

O ronco de Teddy Roosevelt era tão grave que quando ele ficou em um hospital de Washington todos os outros pacientes tinham que ser transferidos para um andar diferente, para que pudessem dormir.

"Estilos de vida modernos podem ser os culpados por este aumento no ronco, com a bebida e uma dieta não muito saudável como principais culpados pelo ronco", disse Chris Idzikowki, especialista em sono do Centro do Sono de Edimburgo, Escócia.

"Nossa pesquisa mostra que apesar de o ronco ser motivo de piada frequentemente, é um problema real que pode ter efeitos importantes em nosso bem estar e estilo de vida."

"Além da falta de sono e cansaço, o ronco pode causar problemas de intimidade e prejudicar de forma desnecessária relacionamentos. Mas existe uma série de medidas que podem reduzir ou evitar o ronco", acrescentou.

Estratégias

O ronco é freqüentemente causado pela redução do fluxo de ar pelas passagens nasais, então dormir com a cabeça mais ao alto, afastada do colchão, dormir de lado ou de bruços pode ajudar.

Perder peso e diminuir o consumo de álcool também pode funcionar em alguns casos.

A pesquisa também identificou cinco tipos de ronco.

  • Segundo a pesquisa 18% dos que sofrem com o ronco são os "Assoadores": produzem um som marcado pelo sopro rápido do ar pelas narinas e boca, semelhante ao som produzido num relincho curto de cavalo.
  • Pelo menos 12% dos que roncam estão na categoria "Roncorquestra", exemplificado por roncos longos e baixos que gradualmente aumentam em um crescendo ensurdecedor.
  • O tipo "McEnroe" atinge 10% dos britânicos que roncam. É um tipo que se distingue por sons curtos, violentos, semelhantes ao barulho feito por tenistas quando estão jogando.
  • O tipo "Morsa" (8%) se diferencia por fazer barulhos de grunhidos contínuos enquanto dorme.
  • O "Velho Barulhento" compreende 5% dos que roncam e soa como um velho carro com problemas de motor.

 
 
BebêFalta de sono
Metade dos casais com bebês briga para dormir mais.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
LINKS EXTERNOS
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade