BBC Online Network Fale com a gente

O Mundo Hoje
Especial
BBC e Você
Ivan Lessa
Sobre a BBC
Aprenda inglês

BBC Rádio
Programação
De Olho no Mundo
Como sintonizar

 

 

 

 

 

 

 

27 de junho, 2000 Publicado às 17h22 GMT

Guga: "Juízes favorecem Sampras e Agassi"
Soldado chileno no Estádio Nacional de Santiago

O tenista Gustavo Kuerten aproveitou a sua primeira vitória em Wimbledon como líder do ranking mundial para denunciar o que chamou de "favorecimento de tenistas americanos, especialmente os mais famosos, como Pete Sampras e Andre Agassi".

"Você pode jogar 20 vezes contra o Sampras ou contra o Agassi, e as decisões dos juízes sempre vão ser a favor deles", disse Guga.

Guga chegou a dizer que foi prejudicado pelo juiz na final de um torneio em Miami em que perdeu para Pete Sampras.

Curiosamente, a acusação foi feita depois de sua vitória contra um tenista americano bem menos famoso que o próprio Guga - Chris Woodruff, atual número 48 do ranking mundial.

Boca no trombone

Guga disse que o problema sempre existiu, e agora que ele é o líder do ranking mundial chegou a hora de botar a boca no trombone.

"Vamos ver se os juízes começam a me ajudar porque hoje em dia eles estão ajudando os outros", disse o tenista brasileiro.

"Venho lutando há tempos contra isso, e essa luta às vezes conta contra o jogador", disse Guga.

A respeito da difícil vitória sobre Woodruff, Guga disse que jogou bem e o saque foi o seu melhor fundamento.

"Saquei muito bem o jogo todo, e esse é o segredo para eu ir em frente no torneio."

Guga fez 29 aces no jogo contra Woodruff e ganhou 90% dos pontos quando acertou o primeiro serviço.

Fernando Meligeni, outro brasileiro que jogou nesta terça, perdeu por três a um para o sueco Thomas Johansson e está desclassificado. (Rodrigo Amaral)

 

 

Leia também

A situação no Brasil

Desvendando o DNA

    para cima    
© BBC World Service
Bush House, Strand, London WC2B 4PH, UK.
Notícias e áudio em 43 línguas