Como reduzir o consumo de sal na alimentação?

  • 12 agosto 2014
Sal (BBC)

A indústria de alimentos retirou cerca de 1,3 mil toneladas de sódio em macarrões, bisnagas e pães de forma, entre 2011 e 2012, segundo números divulgados nesta terça-feira pelo Ministério da Saúde.

A medida visa reduzir o consumo brasileiro de sal - cujo principal componente é o sódio -, que atualmente é de 12 gramas por dia, o dobro do recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

A BBC listou algumas orientações para ajudar o brasileiro a atingir a meta.

Segundo a OMS, a redução da ingestão de sal é tão importante como parar de fumar, quando se trata de reduzir o risco de doenças cardíacas.

O consumo excessivo de sódio aumenta consideravelmente as chances de câncer de estômago e osteoporose e eleva a pressão arterial, uma das principais causas de acidente vascular cerebral.

O que contém mais sal?

Muffin e batatas (BBC)

O que contém mais sal: um muffin de mirtilo com baixo teor de gordura ou dois pacotes de batatas fritas com sal?

Surpreendentemente, o bolinho pode ter mais que 1,2 g de sal, quantidade superior à presente em dois sacos de 30g de batatas fritas.

Muitos produtos com baixo teor de gordura têm adicionado sal para melhorar o sabor.

Com 0,5 g de sal por pacote, os dois saquinhos juntos têm 1g de sal, menos que o muffin de mirtilo.

Quanto devo comer?

Um adulto deve consumir 6g de sal, enquanto crianças de 7 a 10 devem comer 5g, de 4 a 6 anos, 3g, de 1 a 3 anos, 2g e bebês, menos de 1g.

Adulto 6g/dia
7-10 anos 5g/dia
4-6 anos 3g/dia
1-3 anos 2g/dia
Bebês menos de 1g/dia
Atum com pesto
Atum com pesto e queijo junto com salgadinhos podem atingir 2 g de sal, o limite que uma criança de três anos pode consumir
Almoço
Se você serve ao seu filho de 6 anos um almoço como este, ele vai comer em uma única refeição quase todo o sal que você deve comer em um dia: 3g. Cerca de 75% do sal que consumimos vem de produtos industrializados
Almoço
Um prato como este almoço típico inglês tem mais de 7 g de sal, quantidade acima da recomendada para um adulto em um dia. É bom ficar atento: salsicha, bacon e embutidos podem ser muito salgados

Verifique a embalagem

Ketchup (BBC)

Fique atento às informações nutricionais da embalagem de um produto: elas podem fazer uma grande diferença. Troque os produtos que você usa todo dia por versões com menos sal.

Molho de tomate e ketchup

Algumas marcas têm cinco vezes mais sal do que outras.

Três colheres de sopa da marca mais salgada podem ter toda a quantidade de sal recomendada para uma criança de 3 anos.

Pizza

Uma única pizza pode ter até 6g de sal, a quantidade que você deve comer por um dia inteiro.

Sal e sódio

Sal

Alguns rótulos dos alimentos fornecem informações sobre o conteúdo de sódio, o que não é o mesmo que o teor de sal.

O peso de sódio é apenas uma parte do peso do sal.

1g de sódio = 2,5 g de sal

Isso significa que a quantidade recomendada de sal por dia, que é de 6 g, é equivalente a 2,4 g de sódio.

É preciso, portanto, observar atentamente os rótulos.

Sal com teor reduzido de sódio

Estes sais contêm cloreto de potássio em vez de cloreto de sódio, consumindo, assim, menos sódio, o que impacta positivamente sobre os riscos associados a uma dieta rica em sal. Mas nem todas as notícias são boas. Excesso de potássio é perigoso para as pessoas que sofrem de alguns problemas de coração e rim.

O sal do mar

O sal marinho e o sal de mesa são o mesmo tipo de sal, cloreto de sódio. Logo, o valor recomendado é o mesmo: até 6g/dia. Como o sal do mar vem em grãos maiores, uma pitada de sal contém provavelmente menos sal, em peso, do que o sal de mesa.

O que podemos fazer

Leia antes de comprar

Alimentos industrializados muitas vezes têm mais sal, por isso vale a pena conferir as informações nutricionais.

Cozinhe mais

Massa bolgnesa (BBC)
Prepare mais molho do que você precisa e congele o que sobrar

É fácil fazer em casa molhos para massa, sopas e até pizzas. Prepare grandes quantidades e congele para ter pratos saudáveis sempre em mãos.

... Esconda o sal

Parece óbvio, mas funciona. É uma maneira de você se habituar a usar menos.