BBC navigation

Governo britânico exibiu 'Sherlock' na Coreia do Norte para 'encorajar mudança'

Atualizado em  3 de julho, 2014 - 19:23 (Brasília) 22:23 GMT
Benedict Cumberbatch e Martin Freeman | Foto: BBC

Série da BBC estava entre as poucas obras ocidentais exibidas em festival de cinema norte-coreano

O governo britânico organizou a exibição da série de TV Sherlock na Coreia do Norte, na esperança de estimular a abertura do país.

A série, que adapta as histórias do detetive Sherlock Holmes para a Inglaterra moderna, foi exibida em 2012 em um festival de cinema na capital norte-coreana, Pyongyang.

O Ministério das Relações Exteriores britânico disse que a ação "foi uma das coisas que fizemos para encorajar uma maior abertura da Coreia do Norte para o mundo".

A exibição da série foi revelada em um documento que detalha as atividades do Ministério britânico no país.

O documento, publicado em resposta a um pedido de acesso à informação, mostra que o governo pagou cerca de 287 libras (pouco mais de R$ 1.000) pelos "direitos da série sobre Sherlock Holmes da BBC".

A razão do gasto também foi especificada: "encorajar a mudança(no país)".

'Perspectiva diferente'

A exibição de Sherlock foi listada entre outras 34 iniciativas educacionais, diplomáticas e humanitárias da Grã-Bretanha na Coreia do Norte.

"A maioria dos norte-coreanos nunca viu nada além de filmes domésticos, soviéticos ou chineses", disse um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores.

"Participar do festival de cinema em 2012 foi uma pequena parte de um programa de intercâmbio cultural que temos com a Coreia do Norte para mostrar uma perspectiva diferente do mundo 'lá fora', que normalmente não é mostrada a eles."

O Festival Internacional de Cinema de Pyongyang acontece a cada dois anos e é uma oportunidade rara para o público norte-coreano assistir a obras ocidentais selecionadas.

Outros filmes exibidos no evento em 2012 incluem a comédia britânica A Noiva Isca, o filme de ação chinês O Retorno do Dragão - A Cidade Perdida e a comédia francesa As Mulheres do 6º andar.

O documento do Ministério não especificava se somente um episódio de Sherlock foi exibido ou uma temporada completa da série, que tem três episódios.

No primeiro episódio da terceira temporada, exibido em janeiro de 2014, Sherlock Holmes - interpretado pelo ator Benedict Cumberbatch - identifica um ministro britânico como espião da Coreia do Norte, que tenta explodir o Parlamento.

Sherlock é um sucesso em vários países. Na Inglaterra, a terceira temporada foi o drama televisivo mais assistido desde 2001.

Na China, série está entre os programas importados mais populares e Cumberbatch ganhou o apelido de "Curly Fu".

A BBC acaba de confirmar que a série retornará em um episódio especial em 2015, seguido de mais uma temporada.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.