BBC navigation

Cem anos após a 1ª Guerra, figura de assassino de arquiduque divide opiniões

Atualizado em  28 de junho, 2014 - 13:25 (Brasília) 16:25 GMT

Francisco Ferdinando e sua esposa, Sofia, foram assassinados em seu carro por Princip, em Sarajevo

Os 100 anos do assassinato do arquiduque Francisco Ferdinando da Áustria em Sarajevo, o ato que provocou a 1º Guerra Mundial, é lembrado de maneiras diferentes na Bósnia.

Eventos culturais e esportivos, incluindo um concerto da Filarmônica de Viena, marcam a ocasião na cidade.

Gavrilo Princip, autor do tiro que matou o hedeiro do trono austro-húngaro, continua sendo uma figura que divide opinões.

Os tiros disparados pelo estudante sérvio no dia 28 de junho de 1914, levou as maiores potências da Europa a uma guerra que durou 4 anos.

Sérvios da Bósnia, croatas, e bósnios mulçumanos ainda se dividem em relação ao papel de Princip em criar tensões na Europa em 1914.

Na Áustria, a bisneta de Francisco Ferdinando e sua família estão realizando eventos no castelo da família em Artstetten, próximo a Viena, onde o arquiduque está enterrado.

Interpretações divergentes

Líderes da Sérvia e alguns sérvios da Bósnia estão boicotando os eventos oficiais, que eles dizem ter como proposta incriminar os sérvios.

O arquiduque e sua esposa chegam em Sarajevo no dia 28 de junho de 1914

Centenas de ciclistas participaram da corrida pela paz, esta semana, para marcar o aniversário

Bósnios sérvios pretendem abrir a casa em Obljaj, onde Princip nasceu, para homenageá-lo

Na sexta-feira, sérvios do leste de Sarajevo inauguraram uma estátua de Princip, visto por eles como um herói que acabou com anos de ocupação dos balcãs pelo império austro-húngaro.

Na cidade de Visegrad, ao leste da Bósnia, atores irão reencenar o assassinato do arquiduque e sua esposa, Sofia, e a Filarmônica de Belgrado tocará obras de Vivaldi.

As comemorações no centro de Sarajevo terão um tom completamente diferente daqueles no leste da cidade, diz o correspondente da BBC, Guy De Launey.

Princip e o tirou que deu início à 1ª Guerra Mundial

  • Gavrilo Princip, um dos sete membros da Mlada Bosnia (Jovem Bósnia), uma organização bósnia sérvia militante que queria independência da Áustria-Hungria.
  • O arquiduque Francisco Ferdinando e sua esposa Sofia foram assassinados em seu carro por Princip no dia 28 de junho de 1914 em Sarajevo.
  • A Áustria responde com ira e declara guerra à Sérvia, com apoio incondicional da Alemanha.
  • A Rússia anuncia mobilização de suas tropas.
  • A Alemanha declara guerra à Rússia, em 1º de agosto.
  • Grã-Bretanha declara guerra à Alemanha, em 4 de agosto.

A Filarmônica de Viena vai tocar uma seleção que relembra os tempos dias de Habsburgo, a única família governante do império áustro-húngaro.

O concerto acontecerá na recém restaurada biblioteca nacional, que foi destruída durante a invasão da cidade por forças bósnias sérvias na Guerra da Bósnia.

O presidente austríaco, Heinz Fischer, estará presente no concerto, que é o principal dos eventos que marcam o aniversário.

As comemorações serão encerradas com um evento musical a céu aberto em Sarajevo.

Vinte e oito líderes europeus se reuniram na quinta-feira para marcar os 100 anos desde o começo da 1º Guerra Mundial em Ieper, na Bélgica.

Enquanto isso, a UNESCO pediu que todos os seus navios hasteassem suas bandeiras a meio mastro no sábado para marcar o aniversário do assassinato.

A organização está querendo chamar a atenção para sua convenção sobre o património cultural subaquático, destinado a aumentar a proteção de milhares de navios afundados que estão vulneráveis à destruição deliberada e saques.

O acordo só se aplica aos naufrágios que ocorreram há mais de cem anos, assim ao longo dos próximos quatro anos, milhares de navios britânicos, alemães e outros perdidos na 1º Guerra Mundial serão adicionados à lista.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.