BBC navigation

Em imagens: a devastação em Tacloban após o tufão

Atualizado em  11 de novembro, 2013 - 09:26 (Brasília) 11:26 GMT
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    O número de mortos está aumentando nas Filipinas depois da passagem do tufão Hayan pelo país na sexta-feira. Entre as áreas mais afetadas estão a ilha de Leyte, no leste, e a cidade de Tacloban, onde a destruição lembra a que ocorre depois da passagem de um tsunami. Acima, um navio que foi parar no meio dos destroços em Tacloban. (Foto: AP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    As estimativas são de mais de uma dezena de milhares de mortos apenas em Tacloban, com outras centenas de outras vítimas no resto da ilha de Leyte e na ilha de Samar. Muitos dos sobreviventes não têm água potável, eletricidade ou comida. Acima, casas destruídas na cidade de Tacloban. (Foto: AP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    Chuvas torrenciais no domingo pioraram ainda mais as condições de milhares de pessoas que estão sem casa em Tacloban. Nesta situação extrema, qualquer destroço é usado como abrigo improvisado. (Foto: AP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    Testemunhas descreveram as cenas caóticas com centenas de corpos na beira das estradas e ruas ou presos nos escombros das casas. (Foto: AP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    Policiais estão sendo enviados da capital, Manila, para Tacloban, para ajudar a restaurar a ordem na cidade. Já há informações de ocorrência de saques na cidade. (Foto: AFP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    Muitos prédios foram destruídos pelo tufão, um dos mais fortes de que se tem registro. (Foto: AP)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    O aeroporto em Tacloban também ficou bastante danificado. Apenas voos militares estão operando e as agências de ajuda estão enfrentando dificuldades para chegar à cidade. (Foto: Reuters)
  • Dezenas de milhares de pessoas morreram devido ao Hayan; cidade está mergulhada no caos
    A tempestade seguiu em direção ao Vietnã e à China. Dezenas de milhares de pessoas foram evacuadas do caminho do Hayan, incluindo moradores da província de Quang Nam, na região central do Vietnã (Foto: AFP).

Ventos e destruição

O tufão Hayan, que atingiu as Filipinas na sexta-feira, devastou a cidade de Tacloban.

Imagens de TV locais mostram ruas destruídas, com vários corpos ainda no asfalto.

O tufão foi um dos mais fortes já registrados na história, com ventos que chegaram a 275 quilômetros por hora e provocando ondas de até 15 metros de altura. Em alguns lugares, a quantidade de chuva chegou a 400 milímetros.

Os sobreviventes enfrentam falta de água potável, abrigo, eletricidade e comida. Equipes de ajuda passam por sérias dificuldades para chegar aos locais mais atingidos.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.