A reprodução deste formato de vídeo não é compatível com seu dispositivo

Arquirrivais do pop britânico dividem palco em Londres

24 março 2013 Atualizado pela última vez 16:14 (Brasília) 19:14 GMT

Dois dos maiores rivais do chamado 'britpop' dividiram o palco em uma apresentação realizado no sábado à noite, em Londres, na sala de concertos Royal Albert Hall.

Damon Albarn, 44, o vocalista do grupo Blur, e Noel Gallagher, 45, ex-guitarrista e compostior do Oasis, realizaram uma cena que seria impensável na década de 90.

Na época, Blur e Oasis brigavam pelo posto de banda mais popular do pop britânico, trocando constantes farpas por meio de declarações para a imprensa.

Mas a dupla deixou para trás mais de duas décadas de animosidade, para se exibir lado a lado durante o concerto beneficente Teenage Cancer Trust, fazendo um dueto na balada Tender, um dos clássicos do Blur.

Além dos antigos arquirrivais, um supergrupo foi montado para a apresentação, com a presença de uma lenda viva do rock britânico, o cantor Paul Weller, que atuou como baterista, e com o guitarrista do Blur, Graham Coxon.

O ex-líder do Oasis afirmou em 1995 que desejava que Albarn ''pegasse Aids e morresse'', e o cantor do Blur retrucou dizendo: ''Jamais farei as pazes com Noel. Se isso acontecesse, o britpop acabaria, e Deus queira que nunca venhamos a admitir que nós agora crescemos!''.

Mas a dupla se aproximou recentemente e Albarn e Gallagher chegaram a compartilhar uma mesa na edição deste ano do Brit Awards, a maior premiação musical do pop britânico, realizada no mês passado.

Sempre ferino, Gallagher chegou a dizer na ocasião que os dois se identificaram porque igualmente desgostavam da boyband One Direction.

A apresentação de sábado, cuja renda é voltada para o auxílio de jovens com câncer e leucemia, contou, além do show de Gallagher, com um show do grupo Kasabian.

Clique aqui para nos dizer o que você acha deste site