Restaurante chinês causa polêmica por rejeitar fregueses de países vizinhos

Atualizado em  28 de fevereiro, 2013 - 07:06 (Brasília) 10:06 GMT
Cartaz exibido em restaurante chinês (AFP)

Cartaz foi classificado como racista por internautas

Um restaurante na capital chinesa, Pequim, está se recusando a servir fregueses de nações asiáticos vizinhas da China envolvidas em disputas marítimas com o país.

O restaurante The Beijing Snacks pôs um anúncio na vitrine do local no qual afirma em mandarim e em inglês que ''este estabelecimento não recebe os japoneses, os filipinas (sic), os vietnamitas e cães''.

Japão, Filipinas e Vietnã estão envolvidos em disputas marítimas de longa data com a China nas fronteiras marítimas nacionais no Mar do Sul e no Mar do Leste da China.

Recentemente, Pequim viveu tensões com Tóquio em torno de uma disputa pelas Ilhas Senkaku, conhecidas na China como Ilhas Diaoyu, que atualmente são controladas pelo Japão e reivindicadas pela China.

'Inaceitável'

Um oficial da embaixada vietnamita classificou o incidente como ''inaceitável''. E as autoridades do país disseram à BBC que iriam ''tomar as ações apropriadas para garantir que todos os lados respeitem a amizade bilateral''.

Em dezembro, as cidade de Ho Chi Minh e a capital, Saigon, no Vietnã, sediaram protestos populares contra a China, provocados por disputas territoriais.

O governo vietnamita havia acusado Pequim de ter cortado os cabos de um navio petrolífero do Vietnã. E as autoridades do país também se mostraram descontentes com um mapa em novos passaportes chineses em que áreas disputadas no Mar do Sul da China aparecem como território chinês.

A ação do restaurante em Pequim gerou protestos e acusações de ''extremismo'' e ''racismo'' por parte de internautas dos países vizinhos.

O jornal estatal vietnamita Tuoi Tre descreveu o cartaz como sendo um exemplo de ''extremo nacionalismo''.

Em Pequim, o proprietário do restaurante, que só se apresentou pelo nome de Wang, disse à agência AFP, que nenhuma autoridade chinesa pediu a retirada do cartaz.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.