BBC navigation

Papagaio salva inglesa com distúrbio do sono

Atualizado em  14 de dezembro, 2012 - 08:19 (Brasília) 10:19 GMT
Papagaio e sua dona / PA

Dominic aprendeu a cuidar de sua dona, Barbara, que sofre de apneia

Uma britânica que sofre de um distúrbio do sono disse que seu papagaio aprendeu a acordá-la toda vez que ela dormia em posição perigosa.

Em 2009, Barbara Smith-Schafer, de 62 anos, foi diagnosticada com apneia obstrutiva do sono (AOS).

Schafer explica que Dominic, seu papagaio-cinzento, pode imitar o seu ronco e acordá-la batendo as asas e mordendo seu ombro se perceber que ela parou de respirar.

Muito comum, a apneia do sono eleva a pressão sobre o coração e pode provocar sérios problemas cardíacos.

Schafer conta que, no início, ficava envergonhada quando Dominic imitava seu ronco.

"Mas desde que a minha doença começou a piorar, ele aprendeu a me acordar quando eu dormia em uma posição perigosa, ou quando eu parava simplesmente de respirar", explicou.

"Ele se tornou realmente meu maior protetor", acrescentou.

A apneia é causada por uma interrupção das vias respiratórias durante o sono e uma de suas consequências diretas é o ronco alto.

Antigamente, quando Schafer pegava no sono sentada, por exemplo, chegava, muitas vezes, a bater com o rosto na mesa de sua sala de estar dormindo.

Por causa disso, ela quebrou seu nariz cinco vezes, além de ter fraturado seu ombro.

Papagaio inteligente

Michael Oko, otorrinolaringologista e especialista em medicina do sono no Boston Pilgrim Hospital, no condado de Lincolnshire, na Inglaterra, disse: "Uma a cada cinco pessoas que ronca sofre de apneia obstrutiva do sono que, sem não tratada, pode levar a problemas cardíacos significativos e não-oxigenação do cérebro".

"Felizmente para alguns de nós que não podem recorrer a ajuda primordial de um papagaio talentoso, há tratamentos altamente eficientes e recomendados", explicou.

Schafer possui agora um equipamento de oxigenação ao lado de sua cama, que a impede de parar de respirar enquanto dorme.

"Ao mesmo tempo que sou grata a Dominic por sempre estar alerta, certamente não sentirei falta das chamadas dos paramédicos ou dele fazendo graça do meu ronco", afirmou.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.