‘Show’ de baleias em procissão encanta australianos

Atualizado em  10 de agosto, 2012 - 06:52 (Brasília) 09:52 GMT
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    Todos os anos, uma procissão de baleias-jubarte passa pela costa leste da Austrália em uma migração de 10 mil km, iniciada nas águas geladas da Antártida.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    Em sua peregrinação em busca de águas tropicais para reprodução, as baleias-jubarte oferecem um espetáculo encantador. Na imagem, um adulto do tamanho de um ônibus se exibe a poucos metros de um barco de turistas, em Sydney.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    Calcula-se que 15 mil baleias passem pela costa leste australiana entre maio e novembro deste ano.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    As baleias-jubarte ainda se recuperam dos efeitos da pesca comercial, banida há quase 50 anos.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    Segundo Will Ford, diretor do Whale Watching Sydney, a passagem das baleias pela Austrália foi atrasada neste ano devido ao fenômeno climático El Niño.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    “O impressionante é que a maioria das baleias não come durante a migração, ou seja, elas fazem tudo isso de estômago vazio”, diz Ford.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    Nem sempre a migração acaba bem. A foto mostra a carcaça de uma baleia encontrada em Sydney.
  • Crédito: Whale Watching Sydney
    O número de baleias cruzando as águas em Sydney aumenta cerca de 10% a cada ano. Cerca de 40 espécies de baleias e golfinhos são encontradas em águas australianas.

Espetáculo nas águas

A cada ano, australianos e turistas correm para a costa leste do país para acompanhar o espetáculo da migração das baleias-jubarte.

Essa peregrinação em busca de águas tropicais para reprodução percorre cerca de 10 mil km, em um roteiro iniciado na Antártida.

O número de baleias cruzando as águas em Sydney aumenta cerca de 10% a cada ano.

Neste ano, espera-se que 15 mil baleias passem pela costa leste da Austrália entre maio e novembro.



BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.