BBC navigation

Fotógrafo registra rotina de monges lutadores do templo Shaolin na China

Atualizado em  22 de março, 2012 - 07:53 (Brasília) 10:53 GMT
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    O fotógrafo polonês Tomasz Gudzowaty registrou os movimentos durante um treinamento de kung fu de monges budistas do famoso templo Shaolin, na China. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    Para os budistas, o templo Shaolin é o berço da tradição religiosa Chan, linha que busca cultivar a mente e o espírito através da meditação profunda. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    A linha budista Chan chegou ao templo Shaolin com o monge indiano Bodhidharma no século 5 a.C. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    Para a doutrina Chan, os princípios de contemplação e prática das artes marciais são considerados um remédio contra a fraqueza física e a indolência. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    O Kung Fu é uma arte marcial que procura testar a resistência do lutador e geralmente não conta com um oponente. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    Nos anos 70, a arte marcial se tornou um fenômeno da cultura pop por causa de uma série de TV com o mesmo nome. O personagem principal era um monge fugitivo do monastério Shaolin, que ia para o ocidente. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    O monastério foi fechado durante Revolução Cultural do governo Mao Tsé-Tung. Na década de 80, ele reabriu como um centro de treinamento de Kung Fu e também tornou-se atração turística. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    Em 2010, o templo, que fica na província de Hanan, no centro da China, entrou na lista de Patrimônios da Humanidade pela Unesco. Foto: Tomasz Gudzowaty
  • Foto: Tomasz Gudzowaty
    O templo Shaolin situa-se nos bosques do sopé da montanha Shaoshi. O nome combina a montanha Shao com "lin", que significa bosques. Foto: Tomasz Gudzowaty

Templo do kung fu

O fotógrafo polonês Tomasz Gudzowaty registrou um treinamento de kung fu de monges budistas do famoso templo Shaolin, na China.

Momentos de meditação, equilíbrio e força foram captados pelas lentes de Gudzowaty.

Para os budistas, o templo Shaolin é o berço da tradição religiosa Chan, linha que busca cultivar a mente e o espírito através da meditação profunda.

O monastério foi fechado durante Revolução Cultural do governo Mao Tsé-Tung. Mas na década de 80, o templo foi reaberto como um centro de treinamento de Kung Fu e também tornou-se atração turística.

Em 2010, o templo entrou na lista de Patrimônios da Humanidade pela Unesco.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.