'Nunca mais vou pisar em um ônibus', diz motorista que ganhou R$ 8,5 mi na loteria

Atualizado em  20 de março, 2012 - 09:43 (Brasília) 12:43 GMT
Motoristas britânicos | Foto: PA

Grupo de motoristas britânicos venceu R$ 110 milhões na loteria; nenhum voltou ao trabalho

Após ganhar R$ 8,5 milhões na loteria na última sexta-feira, o motorista de ônibus britânico John Noakes, 49, pretende nunca mais pisar em um ônibus. Seus planos incluem ainda comprar um carro de luxo e visitar Memphis, a cidade natal de Elvis Presley.

Noakes foi um de 12 felizardos que ganharam um prêmio de 38 milhões de libras (cerca de R$ 110 milhões). Ironicamente, há pouco tempo o grupo que dividiu o prêmio pensou em interromper as apostas coletivas depois de dois anos de azar.

Nenhum integrante do grupo foi trabalhar no sábado de manhã. Alguns estavam na empresa de transporte há três anos, e outros até 20 anos.

O mais novo do grupo tem 34 anos e o mais velho 64.

"Sem ofensa, eu gosto do que faço, mas sou realista. Não faz sentido um homem que tem um Aston Martin dirigir um ônibus", disse Noakes ao lado da mulher, Jean.

"Quero ir a Memphis, quero casar com minha mulher de novo", acrescentou.

Chris Smith, 34, líder do grupo, disse que eles sempre apostaram na mesma sequência de números durante dois anos. Cada um jogava em média 2 libras (cerca de R$ 5) toda semana. "Estou feliz por termos ganhado juntos", disse.

Ele conta que sua mulher conferiu metade dos números e ele a outra metade, ao acompanhar o sorteio pela TV. "Não podíamos acreditar que todos os números batiam".

Conforme a notícia se espalhou, seus 11 colegas foram à sua casa.

"Por volta da 1h da manhã, minha casa estava cheia de motoristas de ônibus e suas mulheres. Todos ficaram bebendo chá e foi só de manhã cedo que nos demos conta de que tínhamos sido os únicos vencedores", relembra.

"Esta vitória mostra que as pessoas podem viver seus sonhos e ajudar suas famílias", avalia.

Leia mais sobre esse assunto

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.