Gato neozelandês se perde e é encontrado após viagem de navio de 18 dias

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Tocar com outro programa

O gato Douglas

O animal foi encontrado na Austrália após 18 dias de viagem

Um gato chamado Douglas voltou à terra firme depois de uma viagem de navio de 3.500 quilômetros, percurso quase equivalente à distância entre São Paulo e Rio Branco (Acre).

O gato saiu do porto de Te Puke, na Nova Zelândia, e foi encontrado 18 dias depois em um contêiner de carga de um navio em Adelaide, na Austrália.

Andrew Leota, um dos funcionários do porto neozelandês, diz que, quando o animal desapareceu, os estivadores pediram a ajuda do Serviço Australiano de Quarentena e Inspeção, que acabou por encontrar o gato.

Para os trabalhadores do porto onde Douglas vive, ele deve ter sobrevivido bebendo a água que resultou do vapor condensado dentro dos contêineres. Ou, simplesmente, dormiu durante toda a viagem.

Depois de ser identificado, o gato foi examinado por um veterinário e voltou para sua casa.

BBC navigation

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.