América Latina

Líderes mundiais saúdam resgate dos mineiros no Chile

Foto: Hugo Infante / Governo do Chile

Reencontro dos mineiros com famílias causou reações emocionadas em todo o mundo

Vários líderes mundiais saudaram o Chile nesta quarta-feira pela operação de resgate dos mineiros que ficaram presos em agosto em uma mina no norte do país.

Na manhã desta quarta-feira, durante o resgate do 14º mineiro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ligou para o presidente chileno, Sebastián Piñera, parabenizando-o pelo trabalho.

“Todo o mundo está orgulhoso do Chile pelo trabalho organizado”, disse Lula.

O brasileiro também conversou com o presidente boliviano Evo Morales, que foi ao Chile acompanhar o resgate de um boliviano que estava preso na mina.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, e o primeiro-ministro britânico, David Cameron, também conversaram com Sebastián Piñera pelo telefone.

Pronunciamentos oficiais

Por meio de um comunicado, o presidente americano, Barack Obama, disse que, nos Estados Unidos, os “pensamentos e preces estão com os bravos mineiros, suas famílias e com os homens e mulheres que estão trabalhando duro para resgatá-los”.

“Estamos orgulhosos de todos os americanos que trabalharam com nossos amigos chilenos no local para fazer tudo o que pudermos para trazer estes mineiros para casa”, diz a mensagem.

A chanceler alemã, Angela Merkel, enviou uma mensagem por meio do porta-voz Steffen Seibert: “Nossos pensamentos estão com os chilenos e com eles também nossos melhores desejos até que se consiga resgatar o último mineiro”.

O porta-voz afirmo que Merkel deve mandar uma mensagem pessoal de felicitação ao presidente chileno Sebastián Piñera assim que todos os homens sejam resgatados.

Em coletiva na Hungria, o presidente da Comissão Europeia (órgão executivo da União Europeia), José Manuel Durão Barroso, disse que “o companheirismo e a resistência dos mineiros, a seriedade e a eficácia da operação e a solidariedade de todos os envolvidos enviaram ao mundo uma mensagem de esperança e confiança”.

Já o presidente mexicano Felipe Calderón deu vivas ao Chile pelo Twitter: “Viva o Chile! Viva a esperança de que o homem pode superar qualquer dificuldade!”.

No Vaticano, durante uma audiência pública, o Papa Bento 16 disse que “continua a pedir com esperança a bondade divina aos mineiros da região do Atacama, no Chile”.

O rei Juan Carlos, da Espanha, felicitou o povo chileno em Madri e disse que "o pesar pela catástrofe do terremoto contrasta com a alegria pelo resgate dos mineiros".

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.