drogas

ONG propõe esterilização de viciados na Grã-Bretanha

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Uma ONG americana afirma que já impediu mais de três mil viciados em drogas e álcool de ter filhos, pagando cerca de US$ 300 por pessoa em anticoncepcionais e tratamento de esterilização. Agora a entidade tenta trazer esta ideia para a Grã-Bretanha.

A ONG Project Prevention defende que pessoas viciadas não devem ter filhos e oferece anticoncepcionais ou até tratamentos de esterilização a viciados.

Cerca de 350 mil crianças na Grã-Bretanha têm pelo menos um pai viciado em drogas e a maioria sofre alguma consequência do vício.

A ideia da ONG americana sofre resistência de outras entidades britânicas. Para uma das entidades, a ideia é uma "farsa" e lembra políticas "nazistas".

Drogas

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.