BBC World Service LogoHOMEPAGE | NEWS | SPORT | WORLD SERVICE
Portuguese Pesquisa na BBC Brasil
 
Primeira Página
Saúde &
Tecnologia
Economia
Cultura
Especial
Fórum
Aprenda inglês
ÁUDIO
Dois minutos pelo mundo
Notícias
Mundo Hoje
De Olho
no Mundo
Programação
Como Sintonizar
SERVIÇOS
Parceiros
Sobre a BBC
Expediente
Página simplificada
Fale com a gente
Empregos
E-manchetes
LÍNGUAS
Espanhol
Português para a África
Árabe
Chinêês
Persa
Hindi
Urdu
BBC News
BBC Sport
BBC Weather
 Você está em: Notícias
23 de dezembro, 2002 - Publicado às 14h59 GMT
Nacionalidades



 Clique aqui para ouvir esta coluna do Ivan Lessa

Você nunca entendeu direito esse negócio de “britânico” e “inglês”, não é verdade? Qual a diferença entre um e outro?

Não se preocupe, a maior parte das pessoas morando aqui também tem problemas com a denominação. E “por aqui” significa na Grã-Bretanha.

Daí você vai e pergunta: “Qual é a diferença entre Grã-Bretanha e Reino Unido?”. Mais dúvidas. Vamos ver se nós, que não nos chamamos Manuel e não moramos em Niterói, conseguimos dar um jeito nessas coisas.

Em primeiro lugar, o nome diz tudo: é Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte, sendo que o Reino Unido inclui Inglaterra, País de Gales e Escócia.

O governo deste país (driblei a nomenclatura) realizou uma pesquisa entre 9 mil lares e descobriu alguns dados interessantes.

A maior parte dos cidadãos (brancos) não se consideram britânicos. Preferem ser vistos e chamados de ingleses. Na Escócia, de escoceses. No País de Gales, de galeses. Na Irlanda, de irlandeses.

Um detalhe interessante: a pesquisa não incluiu a complicada Irlanda do Norte. Nunca saberemos como, o quê e quando se consideram.

No entanto, as chamadas minorias étnicas, aquelas pessoas de origem asiática ou afro-caribenha, não têm frescuras: dizem-se britânicos mesmo.

O fator idade conta. Aqueles que ainda se lembram da Segunda Guerra Mundial tendem a se considerar mais para ingleses que britânicos, precisamente o contrário dos mais jovens, aqueles entre os 16 e os 24 anos.

Os escoceses são os mais ufanistas. 80% consideram-se escoceses e estamos conversados. Na Inglaterra, a percentagem que enche a boca para se declarar ingleses não vai a mais que 57% ao passo que 48% se dizem britânicos.

Londres é comprovadamente uma cidade não só cosmopolita como também engraçada. 19% dos entrevistados afirmam ter “outra” identidade nacional, que não britânica, inglesa ou etc. Devem ser, quem sabe?, brasileiros loucos para voltar e pegar os bons tempos que virão depois da posse do Lula.

 Clique aqui para ouvir esta coluna do Ivan Lessa
 
   E-MANCHETE
Assine o serviço da BBC Brasil para receber as principais notícias por e-mail.
   ORIENTE MÉDIO
Leia as últimas notícias e análises sobre o processo de paz entre Israel e os palestinos.







Notícias relacionadas:
20 de dezembro, 2002
  Letra e música
18 de dezembro, 2002
  O nome das coisas
16 de dezembro, 2002
  Leitura dinâmica
13 de dezembro, 2002
  O paradoxo branco
11 de dezembro, 2002
  O bandolim e o tempo
BBC World Service Logo ^^Volta ao início da página
Primeira Página | Saúde & Tecnologia | Economia | Cultura | Especial
Fórum | Aprenda inglês
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Programação | Como Sintonizar
Parceiros | Sobre a BBC