Natureza

Baleias-azuis são vistas em Los Angeles

Player

Para executar este conteúdo em Java você precisa estar sintonizado e ter a última versão do Flash player instalada em seu computador.

Executar com Real Media Player OU Windows Media Player

Exemplares do maior mamífero do mundo, a baleia-azul, foram avistados pela primeira vez muito próximos da costa de Los Angeles, na Califórnia.

Atraídos pela abundância de krill, o pequeno crustáceo que vive em águas geladas e forma a base da alimentação das baleias, cerca de 200 animais estariam no litoral entre Santa Mônica e Newport.

Cada baleia-azul come cerca de 40 milhões de krills por dia, por isso seguem os cardumes dos crustáceos.

Biólogos acreditam que o fenômeno meteorológico La Niña, que resfria a superfície do Oceano Pacífico, tenha levado águas mais frias para perto do litoral de Los Angeles.

Especialistas também criticaram o oportunismo dos donos de barcos de passeio, que viram na visita inédita uma oportunidade de faturar.

Acredita-se que em todo mundo, existam apenas cerca de 10 mil baleias-azuis, o que faz o acontecimento em Los Angeles ainda mais raro.

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.