Entrevista rara com Kim Jong-nam

Player

Você precisa da versão correta do Flash Player para ter acesso a este conteúdo

Baixar a versão correta

Executar formatos alternativos de arquivos multimídia

(Imagens: TV Tokyo)

O filho mais velho do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-il, teria confirmado neste domingo as notícias de que o seu irmão mais novo vai suceder o pai no comando do país.

Kim Jong-nam, em entrevista ao canal de televisão japonês NTV, teria respondido a uma pergunta sobre a veracidade da sucessão de seu pai por Kim Jong-un.

"Acho que sim. É o que se ouve na imprensa", respondeu.

Kim Jong-nam negou rumores de que ele teria abandonado o país, e disse não se lembrar da última vez em que conversou com o pai.

A imprensa sul-coreana divulgou na semana passada informações de que Kim Jong-un teria sido nomeado sucessor do líder atual.

Decisão do pai

Na entrevista à NTV, realizada em Macau, Kim Jong-nam, disse ainda que "a nomeação de um sucessor é uma decisão totalmente (tomada)" pelo pai.

"Ele decide, então não precisa conversar comigo ou com qualquer outra pessoa."

Ao ser perguntado se foi informado pelo governo norte-coreano sobre os planos de sucessão, Kim Jong-nam titubeou, antes de responder que a pergunta é "muito delicada".

"Não posso responder", completou.

Ele afirmou ainda que os rumores de que teria abandonado a Coreia do Norte por causa da decisão do pai são"uma notícia totalmente falsa".

Kim Jong-nam costuma viajar a Macau frequentemente e já deu entrevistas lá anteriormente.

Pouco conhecido

Pouco se sabe a respeito do filho mais novo de Kim Jong-il, que, acredita-se, teria nascido em 1983 ou no início de 1984.

Segundo informações da agência de notícias Yonhap, Jong-un teria estudado em uma escola na Suíça e seria fã dos times de basquete da NBA, nos Estados Unidos.

Ele é filho da terceira mulher de Kim Jong-il, Ko Yong-hi, que morreu de câncer de mama em 2004, aos 51 anos.

O correspondente da BBC em Seul, Chris Hogg, afirma que esta não é a primeira vez que surgem especulações de que Kim Jong-il tenha escolhido o filho mais novo como sucessor.

As primeiras informações a respeito surgiram no mês de janeiro e, em abril, a agência Yonhap informou que Jong-un estaria ocupando um posto na Comissão de Defesa Nacional da Coreia do Norte.

Hogg afirma que a pouca idade de Jong-un pode ser um problema para ele, já que a experiência é muito valorizada na Coreia do Norte.

O atual líder norte-coreano, Kim Jong-il, foi escolhido como o sucessor de seu pai, Kim Il-sung, em 1974, vinte anos antes de sua morte, em 1994.


BBC navigation

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.