BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 10 de outubro, 2006 - 15h52 GMT (12h52 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Cientistas encontram fóssil de 'camelo gigante' na Síria
 
Osso da perna do camelo gigante (esq.) comparado com o osso de um camelo moderno
Fóssil do camelo gigante (esq.) comparado com osso moderno
Arqueólogos descobriram na Síria os restos fossilizados de uma espécie desconhecida de camelo gigante que viveu há 100 mil anos.

Os ossos do animal foram descobertos por uma equipe de cientistas suíços e sírios perto do vilarejo de El Kowm na parte central do país.

O camelo teria o dobro do tamanho de uma espécie atual. Cientistas acreditam que este tipo de camelo gigante poderia ter sido morto por humanos, que viviam no lugar no mesmo período. Na época, há 100 mil anos, a região possuía água abundante.

"Não se sabia que o dromedário estava presente no Oriente Médio há mais de 10 mil anos", disse Jean-Marie Le Tensorer da Universidade de Basel.

'Três metros de altura'

"A corcova do camelo ficava a três metros de altura e a altura total poderia chegar a quatro metros, tão alto quanto uma girafa ou elefante. Ninguém sabia que uma espécie como esta já existiu", acrescentou.

Dentes parecem com os do Neanderthal
Dentes parecem com os do homem de Neanderthal

Tensorer, que está trabalhando em escavações no vilarejo de Kowm desde 1999, afirmou que os primeiros ossos grandes foram encontrados há alguns anos mas a confirmação de que eles pertenciam a um camelo foi feita apenas depois da descoberta de várias outras partes do mesmo animal, recentemente.

Entre 2005 e 2006 mais de 40 fragmentos de ossos de camelos gigantes foram encontrados pela equipe.

Restos humanos do mesmo período do camelo gigante foram descobertos no mesmo local. O osso longo que forma o antebraço e um dente foram levados para a Suíça, onde estão passando por análises antropológicas.

"O osso é do Homo sapiens, ou homem moderno. Mas o dente é muito antigo, parecido com o encontrado no (homem de) Neanderthal. Ainda não sabemos exatamente o que é. Temos um Homo Sapiens muito antigo ou um Neanderthal?", disse Tensorer.

"Esperamos encontrar mais ossos que possam ajudar a determinar que tipo de homem era", acrescentou.

El Kowm, o local onde os restos foram descobertos junto com sílex (rocha dura) e armas de pedra, é um vale de 20 quilômetros entre duas cadeias de montanhas com córregos naturais.

 
 
(c) Steve Bloom/stevebloom.comFotografia
Fotos revelam ângulos inusitados de elefantes; veja
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Austrália tinha dinossauro marinho, dizem cientistas
27 de julho, 2006 | Ciência & Saúde
Chimpanzé e humanos trocaram genes, diz pesquisa
19 de maio, 2006 | Ciência & Saúde
Castor 'jurássico' desafia idéias sobre mamíferos
25 de fevereiro, 2006 | Ciência & Saúde
Cientistas acham "tecido mole" em fóssil de dinossauro
25 de março, 2005 | Ciência & Saúde
Cientistas dizem ter achado hominídeo mais antigo
06 de março, 2005 | Ciência & Saúde
Cientistas acham fóssil de dinossauro desconhecido
20 de maio, 2004 | Ciência & Saúde
LINKS EXTERNOS
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade