« Anterior | Principal | Próximo »

A vez do Manchester City de Robinho e Tevez

Categorias dos posts:

Daniel Gallas | 2009-12-08, 16:48

tevez226.jpgHá um cheiro de novidade no ar no Campeonato Inglês. Desde 2006, as quatro vagas inglesas para a Copa dos Campeões sempre foram preenchidas pelos quatro grandes: Arsenal, Chelsea, Liverpool e Manchester United.

A novidade da temporada, por enquanto, é o Liverpool, que ocupa o sétimo lugar na tabela. O time de Rafa Benitéz está em uma temporada para ser esquecida. Na Copa dos Campeões, a equipe foi eliminada antes mesmo do fim da primeira fase, dando lugar à Fiorentina e ao Lyon.

No Inglês, o quarto lugar, que dá vaga à Copa dos Campeões, é ocupado atualmente pelo londrino Tottenham Hostpur graças em parte ao ótimo desempenho da equipe em casa. Recentemente o Tottenham aplicou uma goleada de 9 a 1 no Wigan. A humilhação foi tanta que os jogadores do Wigan fizeram uma "vaquinha" para pagar os custos dos seus torcedores que se deram ao trabalho de ir ao estádio em Londres.

O quinto lugar é no momento do Aston Villa, que tem no seu currículo vitórias recentes sobre o Liverpool e o líder Chelsea.

Mas se tem um time que, na minha opinião, pode finalmente conseguir uma vaga na Champions League é o atual sexto colocado, Manchester City.

Até recentemente o Manchester City vinha repetindo a fórmula dos anos anteriores: grandes contratações e resultados medíocres. O time chegou a empatar sete partidas consecutivas.

A série foi interrompida nesta última semana com grande estilo. Na quarta-feira passada, o Manchester City eliminou o Arsenal da Carling Cup com uma goleada de 3 a 0. Furioso, o técnico Arsene Wenger não quis nem cumprimentar seu colega de profissão, Mark Hughes.

No fim de semana, o Manchester City derrotou de virada o Chelsea, o time com a melhor campanha no futebol inglês nesta temporada.

Robinho, que voltou de lesão, foi aplaudido pelos torcedores. Mas a verdadeira estrela do time foi Carlos Tevez, que aos poucos volta a mostrar o futebol de temporadas passadas.

Robinho e Tevez são para mim a principal diferença do Manchester City em relação aos seus rivais pela vaga na Copa dos Campeões. Experientes e campeões, os dois jogadores têm motivações semelhantes.

Ambos jogam nas suas seleções na sombra de astros maiores - Kaká, no Brasil, e Messi, na Argentina. Como o Manchester City, que há anos tenta se equiparar aos quatro grandes da Inglaterra, Tevez e Robinho também tem muito a provar, especialmente em uma temporada que termina com a Copa do Mundo.

O Tottenham e o Aston Villa não possuem jogadores com esse perfil. O rival mais forte para a vaga ainda é o Liverpool, uma equipe bem organizada, mas cuja produção vem caindo muito nas últimas semanas. Se o Manchester City continuar mostrando o futebol da última semana, pode estar chegando a sua vez de finalmente ir à Copa dos Campeões.

Mais conteúdo deste blog...

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.